RONDONÓPOLIS; Contra-ataque Pátio critica Polícia e questiona custos da operação “Stop Loss”

O prefeito de Rondonópolis (a 220 km de Cuiabá), José Carlos do Pátio (SD), questionou os custos da Polícia Judiciária Civil com a Operação Stop Loss, deflagrada na manhã de terça-feira (16), para apurar supostas superfaturamento e falhas em aquições de produtos pela prefeitura.

Isso porque, segundo ele, os contratos feitos por meio de dispensa de licitação não chegaram a ser firmados com as empresas e por isso não haveria motivos para a deflagração da ação.

“Quero saber o custo dessa operação. Eu vou pedir para minha equipe fazer um levantamento sobre o custo. Tantas viaturas e policiais de algo que não comprei. Os dois processos eu não havia comprado nada”, disse Pátio em coletiva.

“Lamento essa operação e essa operação foi investigar algo inócuo. A nossa administração sequer comprou esse material de limpeza e esses papeis higiênicos”, complementou.

Fonte; midianews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *