Pesquisa vetada em Alta Floresta

juiz fabio marquezine 400

 

O juiz Antonio Fábio Marquezini (foto), da 24ª Zona Eleitoral de Alta Floresta, determinou que a empresa MGS Marketing e Dados suspenda a divulgação do resultado de uma pesquisa sobre intenções de voto para prefeito do município e também para senador, opção, aliás, que nem consta no pedido de registro. Foram constatadas duas impropriedades graves e que comprometem de forma veemente a confiança do eleitorado e a credibilidade e lisura da amostragem. Caso a empresa descumpra a ordem judicial, está sujeita à multa diária de R$ 10 mil, além dos sócios do instituto incorrerem em crime de desobediência. E deve manter suspensa a divulgação até que “todas questões contravertidas sejam esclarecidas”. Uma das irregularidades apontadas está no fato de não aparecer o nome do candidato Luiz Araújo e nem explicação se este obteve ou não pontuação do levantamento de campo.

Fonte: RDnews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *