MATO GROSSO; Virginia Mendes reclama de dificuldade para implantar Delegacia da Mulher 24 horas

De acordo com a primeira-dama, a medida enfrenta resistência do secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, e de outras pessoas ligadas à Sesp

primeira-dama do Estado de Mato Grosso, Virginia Mendes, reclamou da dificuldade que está tendo dentro do governo para a implantação da Delegacia da Mulher 24 Horas. A implantação da delegacia é uma das prioridades da esposa do governador Mauro Mendes (DEM) na gestão da segurança pública estadual. Segundo Virginia, há resistência do secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante e de outras pessoas da Pasta para a implantação da delegacia em Cuiabá.

 

Virginia concedeu entrevista exclusiva ao Programa Opinião, da TV Pantanal 22.1, apresentado pelo jornalista Paulo Coelho, com análises de Louremberg Alves. Segundo a primeira-dama, o prédio da delegacia está pronto, terá brinquedoteca e parque de diversões para as crianças. Entretanto, reclamou da dificuldade em inaugurar o espaço.

“Essa foi a primeira bandeira que eu assumi no governo, realmente é necessário ter uma delegacia 24 horas e estamos trabalhando muito para isso. A delegacia está pronta, fizemos muitas ações para deixar o lugar aconchegante, vai ter playground, brinquedoteca, assistente social e psicóloga”, disse a primeira-dama na entrevista.

Virginia destacou que está no pé do governador desde o começo do mandato para que a delegacia tenha delegados plantonistas 24 horas para atendimento das mulheres vítimas de violência. “Ele tem me dado total apoio”, destacou a esposa do governador Mauro Mendes.

“Vamos ter sim delegados exclusivos, mas ainda sinto dificuldades no próprio meio, com o secretário Bustamante e outras pessoas lá dentro (da Sesp). Esta é minha grande luta, quero agradecer a desembargadora doutora Maria Erotides que é minha grande insperadora e deixar um recado para as mulheres: você é forte, você é corajosa, busque ajuda e não se cale!”, disse.

fonte; circuito.mt

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *