Ibrahim defende mais apoio ao Esporte e diz que Sanear não será privatizado

O candidato a vice-prefeito Ibrahim Zaher se reuniu ontem (10) com representantes de dois setores considerados essenciais para a cidade: o saneamento e o esporte. Os encontros são parte de uma rotina que tem o objetivo de ouvir os diversos setores da sociedade sobre ações visando melhorar a qualidade de vida em Rondonópolis. Ibrahim ouviu as demandas e detalhou e as propostas que pretende implementar ao lado do candidato a prefeito Thiago Muniz, da coligação ‘Unir para Crescer’.

A primeira reunião foi realizada no comitê central do Democratas. Ibrahim conversou com representantes do esporte local, principalmente do setor de academias e de artes marciais. Ele demonstrou preocupação com a falta de diálogo existente hoje e afirmou que a prefeitura precisa ser mais transparente para promover políticas que realmente fortaleçam o esporte em Rondonópolis. Os desportistas apresentaram várias reivindicações e criticaram as ações da gestão municipal durante a pandemia. Segundo eles, as suspensões de atividades determinadas pela Prefeitura criaram uma crise no setor.

“Estamos cientes dos impactos negativos da falta de diálogo do atual prefeito nesta e em outras áreas. O prefeito elaborou vários decretos de lockdown sem critério algum e isso ocasionou muitas demissões e prejuízos a toda sociedade. Vamos fazer diferente, é possível proteger a Saúde sem prejudicar ninguém”, comentou.

Para o dono de academia e professor de educação física, Elielcio Novaga, outro problema sério é a ausência de técnicos na direção da Secretaria Municipal de Esportes. “Precisamos que o gestor da Secretaria seja alguém preparado, que realmente conheça as necessidades do Esporte. Sem isso fica difícil ter sucesso nas políticas públicas e projetos”, destaca.

Também nesta terça-feira Ibrahim visitou a Cooperativa de Trabalho e Serviços de Rondonópolis (Coomser), que presta serviços ao Sanear, onde ouviu as demandas dos cooperados. Em sua fala, o candidato a vice-prefeito de Thiago Muniz (DEM) fez questão de afirmar que caso sejam eleitos não têm intenção de privatizar o Sanear. “Tem candidato dizendo que vai privatizar o Sanear e promover o fechamento da Coder, o que consideramos dois absurdos. Eu quero deixar claro para todos que nós não vamos fazer a privatização do Sanear. Nós temos o exemplo de Cuiabá que fez isso e o serviço lá não evoluiu. Sabemos do bom trabalho realizado pela cooperativa e queremos dar sequência ao trabalho iniciado na gestão passada, que melhorou a estrutura e ampliou as ações em todo o município. Vamos valorizar os trabalhadores e intensificar as ações para garantir que os serviços de água tratada e esgoto chegem a 100% dos moradadores de Rondonópolis”, explicou.

O presidente da Coomser, Mário Sérgio Magalhães destaca que a cooperativa existe há 24 anos e atualmente tem 400 cooperados. Ele parabenizou a abertura do diálogo, que permite uma troca de informações importante entre os candidatos e os profissionais que atuam na área. “Nossa cooperativa sempre está pronta a receber os candidatos e ouvir as propostas visando a melhoria do município. Nós estamos aqui para prestar o melhor serviço possível a sociedade junto com o Sanear”, finalizou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *