Futebol em tempos de Pandemia; Por José Eriberto

O presidente do Brasil, Jair Messias Bolsonaro, voltou a defender o retorno do esporte no país após a paralisação por conta do convid-19. Em entrevista à ‘Rádio Guaíba’, de Porto Alegre, o presidente defendeu sua posição afirmando que os jogadores, por serem jovens e possuírem boas condições físicas, têm chances infinitamente pequenas de morrerem caso sejam infectados pelo novo coronavírus.

Desde março, Bolsonaro tem uma obsessão: o futebol. Primeiro, ele criticou o cancelamento dos jogos, depois, passou a pressionar pela volta do esporte mais popular do país. Assunto ao qual tem gerado bastante debate entre atletas e clubes, além de muitas críticas ao presidente.

Quem se posicionou contra, foi o diretor executivo do São Paulo futebol clube, Rai. “É bom deixar claro e reforçar que a posição do São Paulo não é voltar rápido. É voltar ao seu tempo com as orientações e gradativamente, começando obviamente o treino sem uma data certa de quando o futebol vai retornar.” Disse Raí.

A CBF e os clubes da Série A aguardam, para os próximos dias, uma portaria do Ministério da Saúde que autorize a volta do futebol em maio, sem público. Mesmo com os crescentes casos de coronavírus no Brasil.

José Eriberto Vale de Souza, morador de Rondonópolis e profissional de vendas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *