21 de Maio, 2022

Diretora de escola investigada por maus-tratos se entrega à polícia em SP

Roberta Regina Rossi Serme, 40 anos, diretora da escola particular investigada por maus-tratos na zona leste de São Paulo, se entregou à polícia por volta das 23h desta quinta-feira (28).

A responsável pela instituição de ensino Colmeia Mágica esteve na Delegacia Central de Itaquaquecetuba, na Região Metropolitana, acompanhada de dois advogados e prestou depoimento durante a madrugada. Ela deve passar por exame de corpo de delito após as 8h e ser encaminhada ao fórum de Mogi das Cruzes, onde passará por audiência de custódia.

A expectativa é que a diretora seja transferida, em seguida, para a Penitenciária Feminina de Tremembé.

Roberta estava foragida da Justiça desde o dia 22 de março, quando teve prisão preventiva decretada. A defesa diz que vai recorrer da decisão, alega inocência e nega que ela tenha fugido da polícia.

Na última segunda (25), a irmã de Roberta, Fernanda Carolina Rossi Serme, foi presa. A pedagoga teve a prisão decretada na semana anterior e foi encontrada em uma casa em Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo.

-band

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.