Cáceres; Prefeitura decreta “lockdown” de 22 a 29 de junho; veja restrições

Após a Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), ter notificado o município de Cáceres a 220 km de Cuiabá (MT), a prefeitura deverá decretar “Lockdown” nesta segunda-feira (22), O decreto foi assinado nesta sexta-feira (19), mas o fechamento total da cidade começará na segunda-feira (22).

A decisão se deve pela classificação de risco “muito alta” para a disseminação do coronavírus. Os indicadores, que servem de orientação para a tomada de decisão no âmbito municipal, foram divulgados em Boletim Informativo do Estado na última quinta-feira (18.06).
Fica suspenso, do dia 22 de junho até o dia 29 de junho de 2020, com possibilidade de prorrogação, o funcionamento de toda e qualquer atividade comercial e prestação de serviços no município de Cáceres.

Cáceres tem 93 mil habitantes e, segundo a prefeitura, o município chegou ao 110° caso confirmado de coronavírus no último boletim divulgado pela Secretaria municipal de Saúde.

De acordo com o prefeito Francis Maris, o lockdown foi imposto para evitar uma possível disseminação do vírus Sars-Cov-2 na cidade, e pela falta de leito de UTIs no município, haja vista que Cáceres recebe pacientes do covid-19 de toda a região oeste que compreende 12 municípios.

Lockdown

De acordo com o Decreto 339, fica determinada a proibição de locomoção de qualquer cidadão no território do Município de Cáceres, a partir de 22 de junho até o dia 29 de junho de 2020, com possibilidade de prorrogação, ficando proibida, também, toda e qualquer reunião, pública ou privada, inclusive de pessoas da mesma família que não coabitem, independentemente do número de pessoas.

As exceções ficam para os estabelecimentos hospitalares, clínicas veterinárias, clínicas odontológicas e clínicas médicas em regime de emergência. Além das farmácias, laboratórios, funerárias e os serviço de segurança pública e privada.

Os postos de combustíveis, exclusivamente para abastecimento, atividades inerentes a circulação de pessoas como a rodoviária, serviços de taxi e aplicativos de transporte.

Outras exceções ficam aos supermercados, mercados, açougues, peixarias, hortifrutigranjeiros, quitandas, centro de abastecimento de alimentos e distribuidores de água e gás.

Para garantir serão realizados bloqueios e interdição de vias e blitz fiscalizatória em todos os pontos da cidade, conforme orientação da Vigilância em Saúde.

“Não é preciso sair correndo até os supermercados e estocar alimentos. Pedimos que as pessoas usem o final de semana para ir as comprar dos alimentos necessários, apenas um por família. Que usem máscaras de proteção e cuide para não ser infectado”, finalizou o Secretário Jorge Augusto. “.

Outros municípios a serão notificados, estão: Alta Floresta, Cuiabá, Nossa Senhora do Livramento, Nova Mutum, Pontes e Lacerda, Porto Esperidião, Primavera do Leste, Rondonópolis, Sinop, Sorriso, Tangará da Serra e Várzea Grande.

 

Fonte: folha5

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *