Abel dy Anjos se torna doutor por notório saber na UFMT

Conhecido por se dedicar à cultura mato-grossense longos anos da sua vida, o pesquisador Abel dos Anjos agora também se tornou doutor por notório saber pela Universidade Federal de Mato Grosso. Sua defesa foi nesta terça (07), on-line. 

Gilberto Leite

Habel Dy Anjos

Habel Dy Anjos tem um museu em casa, agora é doutor pel Universidade Federal por notório saber, defendeu terça

Foram diversos livros escritos no decorrer da sua vida com temas diversos que se entrelaçam entre música e história de Mato Grosso. Ao , Abel diz que juntou todas suas obras em um “carrinho de mão” e fez uma defesa diferente das comuns. “Foram 32 obras juntadas, livros que publiquei e que agora foram reconhecidos pela Universidade”, conta.

Em abril de 2018 ele deu entrevista a reportagem, mostrou seu memorial e algumas de suas obras.

Em sua página do facebook, emocionado, o doutor ressalta parte de seu juramento. “Hei de honrar e dignificar meu nome, minha família, a vetusta Cuiabá que me acolheu como seu filho, ao povo de Mato Grosso que hoje tenho orgulho e honra de ser o autor do Hino à sua bandeira”, diz trecho.

História e feitos

Desde 1989 ele atua no Departamento de Artes da universidade. Tem experiência na área de História da Música no Ocidente, com ênfase em Canto Gregoriano e Viola-de-cocho. Abel é também Maestro arranjador e autor de diversos Hinos tais como o Hino à Bandeira de Mato Grosso, Música do Hina da cidade de Mirassol D’Oeste e Campo Verde. Além disso, autor da Sinfonia Pantaneira, primeira Obra para Viola-de-cocho e Orquestra do mundo.

Fonte: RDnews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *